20 de jul de 2011

Chegada a Lisboa – 19.07.2011






Pela janela do avião, Lisboa apareceu pequena pra mim, parecia de brinquedo, lá do alto, uma maquete bonita, perfeita... O avião começou a descer, ela cresceu, foi crescendo mais e mais e de repente me engoliu. Que cidade bonita, exuberante de ponta a ponta, fiquei maravilhado. Não sabia nem por onde começar... queria ver a estátua de Fernando Pessoa e de tão perdido nem percebi que ela estava a uns dez metros do hotel, debaixo do meu nariz. Bem, logo de cara já conheci o Eduardo Salavisa, um desenhista ótimo e grande incentivador da arte de rabiscar em cadernos, além de grande pessoa; Foi através do site , que ele mantém até hoje, que eu tomei contato, lá atrás, em 2006, com outros artistas que mantinham diários, onde registravam com traços e cores seus cotidianos, e percebi que não estava sozinho no mundo. Lembro que pensei: "Existem outros artistas no mundo que desenham obsessivamente, o tempo todo, no seu dia a dia! Que legal". Na época enviei um email para o Salavisa perguntando se poderia expor meus desenhos no site "Diário Gráfico" e para minha surpresa ele respondeu, depois de ver os meus trabalhos, que sim. Não imagina a felicidade que isso me proporcionou na época. Os desenhos eram de 2005 e estão no site até hoje. Desde então muita coisa aconteceu e lá se vão quase cinco anos. Daquele tempo pra cá aumentou muito a quantidade de pessoas que desenham nas ruas. É incrível, um fenômeno mundial, basta ver a quantidade de pessoas que os sketchcrawl têm reunido. Os adeptos de diários gráficos quadruplicaram e estão rabiscando por todos os cantos do mundo, isso é um fato. Continuando, depois fui com o Eduardo até a Faculdade de Belas Artes de Lisboa conhecer o local onde vai ser dada a largada para o “Symposium urban sketchers Lisboa”. A exposição está muito bonita. Depois saí para andar mais pela cidade e desenhar um pouco, afinal, também é para isso que estou aqui.


2 comentários:

Mazé disse...

Que legal, João! Vou passar por aqui todo dia pra ver teus desenhos lisboetas, a terra de Fernando Pessoa! Ah, publiquei um post no meu blog falando do simpósio. Tem vc lá também. Beijos e bons desenhos! Mazé

joão pinheiro disse...

Obrigado, Mazé! Quero ver se da tempo de ir na casa do Fernando Pessoa. Legal seu post no seu blog, valeu pelas boas palavras.

Beijos.